02/2021 - Blog da Fórmula-1 de Daniel Dias - Dias ao Volante

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Hamilton confirmado para 2021

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


O que ninguém duvidava acabou sendo confirmado nesta segunda-feira. Lewis Hamilton renovou contrato com a Mercedes e entra na temporada 2021 da Fórmula-1 para sedimentar todas as marcas recordes conquistadas ao longo quatorze temporadas, todas ao lado da marca alemã da estrela de três pontas, já que na McLaren, na qual pilotou de 2007 a 2012, também corria com o motor Mercedes.
Embora ninguém duvidasse de que Hamilton renovaria com a Mercedes, pesou muito a confirmação por parte da equipe capitaneada por Toto Wolff de continuar ao lado do heptacampeão nas suas causas sociais, tão brilhantemente comandadas pelo piloto inglês ao longo da temporada de 2020, especialmente sua luta contra o racismo. O que levou inclusive a equipe decidir por pintar o carro, tradicionalmente prateado, de preto, assim como o uniforme de seus pilotos e mecânicos.



Estrelas caem na Globo

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·



Outro efeito colateral da desistência da Globo da cobertura da Fórmula-1 para o Brasil foi a demissão da jornalista Mariana Becker, depois de vinte e sete anos de belíssimo trabalho da gaúcha de Porto Alegre, de 49 anos de idade. E tão logo souberam disso, os fãs já caíram em cima da Band para a contratação da loira. O que deve acontecer.
Também tem-se falado bastante sobre a provável saída de Galvão Bueno. O motivo no caso do principal narrador da emissora seria o alto salário, de R$ 2 milhões mensais. Mas a Globo esbarra em uma importante questão: como demitir sua maior estrela esportiva às vésperas da Copa do Mundo do Catar? Pois é! Uma saída para isso seria demitir o narrador agora e chamá-lo para a Copa, para o cara “encerrar seu ciclo” na emissora.
Isso já ocorreu em relação ao ator Antônio Fagundes, mandado embora também devido ao alto salário. Porém, no caso do ator, a Globo recebeu um redondo e grande ‘não’ quando tentou recontratá-lo.



Band deve mostrar a F-1 para o Brasil

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


Está confirmado: depois de 1972, com um breve hiato em 1980, a Globo deixará de passar o Mundial de Fórmula-1 para o Brasil. Com isso, a Liberty Media, a atual dona da F-1, deve anunciar a Band como a nova emissora a mostrar o Mundial ao vivo para o país, exclusivamente na TV aberta. A Globo continuará cobrindo a F-1 nas suas redes sociais e, talvez, os treinos livres dos GPs no SporTV.
Não foi apenas financeiro o motivo da desistência da Globo. Houve também um impasse quanto ao streaming da categoria, a F1 TV, que esteve entre a emissora carioca e a principal categoria do automobilismo mundial para o “divórcio” do longo casamento. Desde que terminou o Mundial de 2020, com o sétimo título de Lewis Hamilton, a Globo e a Liberty continuaram se reunindo para uma renovação. Houve inclusive tentativas dos norte-americanos em fechar com a TV Cultura ou o Grupo Disney (ESPN e Fox), mas a Liberty considerou que as duas emissoras não poderiam manter o mesmo padrão de cobertura para os brasileiros.
Em tempo: a Band já havia contratado o Reginaldo Leme para a Stock Car.



Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal