Blog da Fórmula-1 de Daniel Dias - Dias ao Volante

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Quem vence no Bahrein?

Dias ao Volante
Publicado por em Bolão 2021 F1 ·


E aí, amantes dos autinhos, vamos para mais uma temporada da Fórmula-1? E está surgindo no horizonte como uma das mais parelhas na disputa pelo pelotão da frente. No nosso Bolão, pequenas novidades em comparação ao bem disputado em 2020. A principal é que daremos mais importância ao primeiro lugar da corrida, passando de 25 para 30 pontos, justamente para separar mais do segundo colocado e realçar o “quem vence” do título do post. O desafio a cada prova não será mais somente com o Lewis Hamilton, que buscava o recorde de vitórias em 2020, e conseguiu, e o heptacampeonato (também conseguiu), a Ferrari, que chegava no ano passado ao seu milésimo GP e ao Kimi Raikkonen, que buscava o recorde de participação em corridas do Rubens Barrichello (também superou), mas com todos os pilotos, um em cada GP. As apostas devem ser colocadas nos comentários deste post (clicando em "Ler tudo" no fim do post) ou serem enviadas para o meu e-mail (danieldias10259@gmail.com) ou (diasaovolante@diasaovolante.com) até cinco minutos antes do início do treino de classificação no sábado. Boa sorte!  

Itens para Sakhir:
Pole: sobrenome do piloto - 5 pontos
Vencedor: sobrenome do piloto - 30 pontos
Segundo: sobrenome do piloto – 20 pontos
Terceiro: sobrenome do piloto – 15 pontos
Quarto: sobrenome do piloto – 10 pontos
Quinto: sobrenome do piloto – 5 pontos
Último colocado na corrida, entre os pilotos que completarem a prova: sobrenome do piloto -  15 pontos
Melhor volta da prova: 5 pontos
Desafio (proposto a cada prova): 10 pontos – Em qual posição chega na corrida o estreante Mick Schumacher, na Haas?
Gabaritar os cinco primeiros colocados da prova: 15 pontos
Acertar os cinco primeiros da prova fora de ordem: 5 pontos

Para acompanhar ao vivo todos os lances do GP do Bahrein:

Sexta-feira: primeiro treino livre, 8h30min, segundo treino livre, meio-dia, ambos pelo BandSports.
Sábado: terceiro treino livre, 9h, pelo BandSports, classificação, meio-dia, na Band.
Domingo: corrida, meio-dia, na Band.



Morre a Rainha de Nürburgring

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·



A alemã Sabine Schmitz, a pioneira e única mulher a vencer a corrida de resistência 24 Horas de Nürburgring, morreu nesta terça-feira aos 51 anos, vítima de um câncer. A pilota, carinhosamente apelidada de "Rainha de Nürburgring", venceu duas vezes a prova no lendário circuito de Nordschleife a bordo de um BMW M3, em 1996 e 1997, e correu com um Porsche no mesmo evento em 2008 para terminar em terceiro.
Nossa reverência, menina linda!



E os rejeitados eram os melhores...

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


Com este post da equipe de transmissão da Band da Fórmula-1, marcamos o sétimo aniversário do site Dias ao Volante, nascido oficialmente no dia 15 de março de 2014. Também vale para o início oficial da nossa cobertura do Mundial de Fórmula-1 de 2021, que promete ser um dos mais disputados de todos os tempos, com o Gabriel e eu no pelotão de frente, no Blog da F-1.
E os rejeitados eram os melhores... Precisou a F-1 escapar no Brasil das garras da Globo para que se formasse este supertime aí de cima. Analisemos um a um pela ordem da foto. O Reginaldo Leme tanto foi maltratado na Globo, principalmente com o Galvão Bueno lhe tolhendo todos os voos, que o maior especialista em automobilismo da imprensa brasileira decidisse pegar o boné e partir pra outra. A entrada da Band na parada só veio corrigir aquela distorção. O Felipe Giaffone é um dos pilotos que mais sabem se comportar ao microfone, além de seu vasto conhecimento de carros de competição. O Max Wilson só tinha espaço na Globo no SporTV, embora mostrasse sempre lá que estava pronto para fazer parte da equipe permanente da Globo na F-1. O Sérgio Maurício, desses, era o mais injustiçado. Melhor narrador disparado de automobilismo do Brasil na atualidade, o cara ficava relegado a transmitir os treinos dos GPs, enquanto as narrações ficavam nos últimos tempos com o Cleber Machado e o Luis Roberto, bons narradores de futebol mas ruins na F-1, e até o Everaldo Marques, que como narrador de F-1 é um bom narrador da NBA.
E da Mariana – que não está diretamente na foto por já estar em viagem para o Bahrein – não se precisa dizer muitas coisas a mais. A gaúcha é de longe a melhor nas reportagens da F-1, pelo conhecimento, pelo carisma e pela competência de sempre. E ela também estava relegada a um segundo plano na Globo, tanto que foi demitida quando a emissora não renovou com a F-1. Penso que o Luciano Burti também poderia estar nessa equipe
Bom Mundial a todos!



Red Bull termina na frente

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·



Max Verstappen completou na frase os treinos da última pré-temporada da Fórmula-1 deste ano neste domingo no circuito de Sakhir, onde será disputada a primeira etapa da temporada 2021 no próximo dia 28. Chamou a atenção que o segundo lugar na tabela de tempos ficou com a segunda equipe da Red Bull, a AlphaTauri, com Yuki Tsunoda, que utiliza o mesmo motor Honda da equipe principal mas tem carro próprio, não projetado pelo mago Adrian Newey. O domínio da Red Bull no final dos treinos preparatórios para o novo Mundial se torna ainda mais marcante pelas palavras de Lewis Hamilton, da Mercedes:
- Não estamos rápidos o suficiente. E não é em um ponto específico, é no geral. Mas estou grato por ter acabado, porque nunca fui um grande fã de testes, adoro correr. Temos muito trabalho a fazer pela frente, será difícil.
Neste domingo, a Band divulgou sua grade para mostrar o GP do Bahrein, na próxima semana:
Sexta-feira, dia 26: 8h30min primeiro treino livre, meio-dia segundo treino livre.
Sábado, dia 27: 9h terceiro treino livre, meio-dia classificação.
Domingo, dia 28: meio-dia corrida.
A prova será reprisada às 21h do dia 28.

Dia 3:
1 Verstappen, Red Bull, 1:28:960 com 64 voltas
2 Tsunoda, AlphaTauri, a 0:093 – 91
3 Sainz Jr., Ferrari, a 0:651 – 79
4 Raikkonen, Afa Romeo, a 0:806 – 165
5 Hamilton, Mercedes, a 1:065 – 54
6 Russell, Williams, a 1:157 – 157
7 Ricciardo, McLaren, a 1:184 – 75
8 Perez, Red Bull, a 1:227 – 49
9 Alonso, Alpine, a 1:358 – 77
10 Leclerc, Ferrari, a 1:526 – 80
11 Norris, McLaren, a 1:701 – 56
12 Gasly, AlphaTauri, a 1:868 – 76
13 Ocon, Alpine, a 2:350 – 61
14 Mazepin, Haas, a 2:571 – 67
15 Schumacher, Haas, a 3:093 – 78
16 Bottas, Mercedes, a 3:446 – 86
17 Vettel, Aston Martin, a 6:081 – 56
18 Stroll, Aston Martin, a 7:140 - 80



Bottas na frente no Dia 2

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·



“Tudo Está em seu Lugar”
O samba de Benito Di Paula só não serve para quem quer ver uma Fórmula-1 mais igualitária em 2021. Valtteri Bottas andou forte no treino da noite no segundo dia da pré-temporada no Bahrein e devolveu a Mercedes ao primeiro lugar. O finlandês andou abaixo do tempo de Max Verstappen no dia anterior. Mas, ao contrário do piloto da Red Bull, Bottas utilizou pneus vermelhos neste sábado. Lewis Hamilton se limitou a fazer trechos mais longos, sem a preocupação de fazer tempo de classificação. Já Sebastian Vettel teve problemas de câmbio, enquanto seu companheiro de Aston Martin Lance Stroll registrava o terceiro tempo, atrás de Pierre Gasly, os dois muito próximos de Bottas. Fernando Alonso voltou ao cockpit da Fórmula-1 no treino da tarde no circuito de Sakhir. O bicampeão andou bastante e chegou a disputar a primeira posição com Lando Norris, da McLaren, o quinto colocado ao final do dia.
A última pré-temporada da F-1 se encerra neste domingo. O Mundial de 2021 começa no próximo dia 28, no mesmo circuito.

Dia 2:
1 Bottas, Mercedes, 1:30: 289 com 58 voltas
2 Gasly, AlphaTauri, a 0:124 – 87
3 Stroll, Aston Martin, a 0:171 – 70
4 Norris, McLaren, a 0:297 – 52
5 Giovinazzi, Alfa Romeo, a 0:471 – 124
6 Leclerc, Ferrari, a 0:597 – 73
7 Latifi, Williams, a 1:385 – 132
8 Perez, Red Bull, a 1:393 – 117
9 Ricciardo, McLaren, a 1:926 – 52
10 Alonso, Alpine, a 2:050 – 127
11 Tsunoda, AlphaTauri, a 2:395 – 57
12 Schumacher, Haas, a 2:594 – 88
13 Sainz Jr., Ferrari, a 2:783 – 56
14 Mazepin, Haas, a 2:812 – 76
15 Hamilton, Mercedes, a 3:310 – 58
16 Vettel, Aston Martin, a 8:560 - 10



Verstappen domina dia 1

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·



Depois de uma primeira pré-temporada quase que completamente esvaziada, realizada na primeira semana de março em Barcelona, na qual nem todas as equipes haviam apresentado o novo carro, a Fórmula-1 decidiu por fazer uma segunda rodada de três dias de testes na pista do Bahrein, onde será disputada a prova inaugural da temporada, prevista para o próximo dia 28. Enquanto a tempestade do deserto permitiu, Max Verstappen levou a Red Bull à primeira posição do dia 1, no circuito “normal” de Sakhir. Pouco de mais concreto pode se tirar dessa primeira sessão. A Mercedes, por exemplo, teve problemas de câmbio na primeira parte do treino que deixaram o heptacampeão Lewis Hamilton parado por quase todo o tempo. Na segunda parte, o inglês também andou pouco, assim como seu companheiro de equipe Valtteri Bottas.
Estreando na também debutante Aston Martin, ex-Racing Point, Sebastian Vettel disse que muito ainda tem para ser visto no carro, mas considerou as duas “pernas” do dia “bastante divertidas”. Ainda não foi desta vez que Fernando Alonso retornou à Fórmula-1. O bicampeão apareceu em Sakhir com uma placa de titânio na mandíbula, colocada para ajudar na calcificação depois de sua queda no ciclismo, no mês passado. Os testes no primeiro dia na Alpine, ex-Renault, ficaram por conta de Esteban Ocon, terceiro colocado do dia, atrás de Lando Norris, da McLaren, que voltou a utilizar o motor Mercedes.
A pré-temporada vai até domingo, duas semanas antes da estreia da nova temporada. E o Blog da F-1 acompanhará de perto.

Dia 1 em Bahrein:
1 Verstappen, Red Bull, 1:30:674 com 138 voltas
2 Norris, McLaren, a 0:215 – 45
3 Ocon, Alpine, a 0:472 – 128
4 Stroll, Aston Martin, a 1:108 – 46
5 Sainz Jr., Ferrari, a 1:245 – 56
6 Giovinazzi, Alfa Romeo, a 1:271 – 68
7 Ricciardo, McLaren, a 1:529 – 45
8 Gasly, AlphaTauri, a 1:557 – 74
9 Tsunoda, AlphaTauri, a 2:053 – 37
10 Hamilton, Mercedes, a 2:238 – 42
11 Leclerc, Ferrari, a 2:568 – 59
12 Raikkonen, Alfa Romeo, a 2: 646 – 63
13 Vettel, Aston Martin, a 3:068 – 51
14 Nissany, Williams, a 4:115 – 83
15 Mazepin, Haas, a 4:124 - 69
16 Schumacher, Haas, a 5:453 – 15
17 Bottas, Mercedes, a 6:176 – 6



Hamilton confirmado para 2021

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


O que ninguém duvidava acabou sendo confirmado nesta segunda-feira. Lewis Hamilton renovou contrato com a Mercedes e entra na temporada 2021 da Fórmula-1 para sedimentar todas as marcas recordes conquistadas ao longo quatorze temporadas, todas ao lado da marca alemã da estrela de três pontas, já que na McLaren, na qual pilotou de 2007 a 2012, também corria com o motor Mercedes.
Embora ninguém duvidasse de que Hamilton renovaria com a Mercedes, pesou muito a confirmação por parte da equipe capitaneada por Toto Wolff de continuar ao lado do heptacampeão nas suas causas sociais, tão brilhantemente comandadas pelo piloto inglês ao longo da temporada de 2020, especialmente sua luta contra o racismo. O que levou inclusive a equipe decidir por pintar o carro, tradicionalmente prateado, de preto, assim como o uniforme de seus pilotos e mecânicos.



Estrelas caem na Globo

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·



Outro efeito colateral da desistência da Globo da cobertura da Fórmula-1 para o Brasil foi a demissão da jornalista Mariana Becker, depois de vinte e sete anos de belíssimo trabalho da gaúcha de Porto Alegre, de 49 anos de idade. E tão logo souberam disso, os fãs já caíram em cima da Band para a contratação da loira. O que deve acontecer.
Também tem-se falado bastante sobre a provável saída de Galvão Bueno. O motivo no caso do principal narrador da emissora seria o alto salário, de R$ 2 milhões mensais. Mas a Globo esbarra em uma importante questão: como demitir sua maior estrela esportiva às vésperas da Copa do Mundo do Catar? Pois é! Uma saída para isso seria demitir o narrador agora e chamá-lo para a Copa, para o cara “encerrar seu ciclo” na emissora.
Isso já ocorreu em relação ao ator Antônio Fagundes, mandado embora também devido ao alto salário. Porém, no caso do ator, a Globo recebeu um redondo e grande ‘não’ quando tentou recontratá-lo.



Band deve mostrar a F-1 para o Brasil

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


Está confirmado: depois de 1972, com um breve hiato em 1980, a Globo deixará de passar o Mundial de Fórmula-1 para o Brasil. Com isso, a Liberty Media, a atual dona da F-1, deve anunciar a Band como a nova emissora a mostrar o Mundial ao vivo para o país, exclusivamente na TV aberta. A Globo continuará cobrindo a F-1 nas suas redes sociais e, talvez, os treinos livres dos GPs no SporTV.
Não foi apenas financeiro o motivo da desistência da Globo. Houve também um impasse quanto ao streaming da categoria, a F1 TV, que esteve entre a emissora carioca e a principal categoria do automobilismo mundial para o “divórcio” do longo casamento. Desde que terminou o Mundial de 2020, com o sétimo título de Lewis Hamilton, a Globo e a Liberty continuaram se reunindo para uma renovação. Houve inclusive tentativas dos norte-americanos em fechar com a TV Cultura ou o Grupo Disney (ESPN e Fox), mas a Liberty considerou que as duas emissoras não poderiam manter o mesmo padrão de cobertura para os brasileiros.
Em tempo: a Band já havia contratado o Reginaldo Leme para a Stock Car.



O Cara agora é Sir

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


Exatamente à meia-noite de 31 de dezembro para 1 de janeiro, a família real britânica concedeu o título de Sir a Lewis Hamilton, como Cavaleiro do Império Britânico, a mais alta honra da Inglaterra. O heptacampeão, que completa nesta quinta-feira, 7 de janeiro, 36 anos de idade, é apenas o terceiro piloto da Fórmula-1 a receber esse título, que eu muito bem conheço. Em 1978, o australiano Jack Brabham, tricampeão mundial, foi condecorado como Sir. Em 2000, o inglês Stirling Moss, o maior campeão sem títulos na F-1, também recebeu, com o escocês Jackie Stewart, tricampeão, agraciado no ano seguinte.
Demorou 14 anos, com sete títulos mundiais, 95 vitórias e 98 poles positions para Hamilton receber o seu oitavo título, o de Sir, Sir Lewis Carl Davidson Hamilton. Ficou bonito isso, meu colega!



Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal