F-1 - Blog da Fórmula-1 de Daniel Dias - Dias ao Volante

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Hamilton termina o ano em primeiro

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·



O hexacampeão Lewis Hamilton tomou uma decisão tão logo pisou em Abu Dhabi:
- Não darei chance nenhuma pra ninguém.
Não deu outra. De sangue doce, um enorme talento e um carro perfeito, Hamilton dominou os treinos, conquistou a pole position com extrema facilidade e derrotou o segundo colocado do grid, Max Verstappen, na largada, deixando o piloto da Red Bull a comer areia do deserto de Abu Dhabi. Mais: na penúltima volta, ele fez a melhor volta da prova com pneus duros e desgastados. Hamilton ultrapassará todos os recordes de Michael Schumacher por vários motivos, o principal, porque ele está no auge de sua carreira. O inglês pilota melhor a cada prova e não pretende dar chances para mais ninguém.
Muito falaremos sobre a próxima temporada durante o recesso da Fórmula-1, mas nada indica que Hamilton e Mercedes não tenham as mesmas condições de superioridade para 2020. Hamilton ultrapassará as 91 vitórias de Schumacher (faltam só sete para igualar), empatará o número de títulos e partirá para a nova F-1 em 2021 para se tornar o maior de todos os tempos também nos números.
Hamilton é de outro planeta? Nada! Ele é do nosso planeta. E ainda bem que é assim! Além disso tudo, ele é um grande cara, O Cara!

Resultado final do GP de Abu Dhabi:
1) L. Hamilton - Mercedes - 1h34min05s715
2) M. Verstappen - Red Bull - a 16s772
3) C. Leclerc - Ferrari - a 43s435

4) V. Bottas - Mercedes - a 44s379
5) S. Vettel - Ferrari - a 1min04s357
6) A. Albon - Red Bull - a 1min09s205
7) S. Perez - Racing Point - a uma volta
8) L. Norris - McLaren - a uma volta
9) D. Kvyat - Toro Rosso - a uma volta
10) C. Sainz - McLaren - a uma volta

11) D. Ricciardo - Renault - a uma volta
12) N. Hulkenberg - Renault - a uma volta
13) K. Raikkonen - Alfa Romeo - a uma volta
14) K. Magnussen - Haas - a uma volta
15) R. Grosjean - Haas - a uma volta
16) A. Giovinazzi - a uma volta
17) G. Russell - Williams - a uma volta
18) P. Gasly - Toro Rosso - a duas voltas
19) R. Kubica - Williams - a duas voltas

20) L. Stroll - Racing Point - não completou

Piloto do Dia - N. Hulkenberg - Renault
Melhor volta - L. Hamilton - Mercedes - 1min39s283

Mundial de Pilotos 2019:
1) L. Hamilton - Mercedes - 413 pontos
2) V. Bottas - Mercedes - 326 pontos
3) M. Verstappen - Red Bull - 278 pontos
4) C. Leclerc - Ferrari - 264 pontos
5) S. Vettel - Ferrari - 240 pontos
6) C. Sainz Jr - McLaren - 96 pontos
7) P. Gasly - Red Bull - 95 pontos
8) A. Albon - Toro Rosso - 92 pontos
9) D. Ricciardo - Renault - 54 pontos
10) S. Perez - Racing Point - 52 pontos
11) L. Norris - McLaren - 49 pontos
12) K. Raikkonen - Alfa Romeo - 43 pontos
13) D. Kvyat - Toro Rosso - 37 pontos
14) N. Hulkenberg - Renault - 37 pontos
15) L. Stroll - Racing Point - 21 pontos
16) K. Magnussen - Haas - 20 pontos
17) A. Giovinazzi - Alfa Romeo - 14 pontos
18) R. Grosjean - Haas - 8 pontos
19) R. Kubica - Williams - 1 ponto
20) G. Russell - Williams - 0 ponto

Mundial de Construtores 2019:
1) Mercedes - 739 pontos
2) Ferrari - 504 pontos
3) Red Bull - 417 pontos
4) McLaren - 145 pontos
5) Renault - 91 pontos
6) Toro Rosso - 85 pontos
7) Racing Point - 73 pontos
8) Alfa Romeo - 57 pontos
9) Haas - 28 pontos
10) Williams - 1 ponto



Hamilton é pole na despedida

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


Lewis Hamilton conquistou a pole position do último GP da temporada, em Abu Dhabi, neste sábado, no belíssimo circuito de Yas Marina. Desde o GP da Alemanha deste ano, o hexacampeão não ficava com a posição de honra em uma prova. Valtteri Bottas foi o segundo mas largará na última posição, pois teve troca de motor. Com isso, Max Verstappen herdou o segundo lugar e partirá ao lado de Hamilton no domingo. Mais uma vez, a Ferrari se atrapalhou, como em Monza. Sebastian Vettel foi muito lento na volta de aquecimento da última tentativa no Q3, devido à presença de uma McLaren a sua frente, e as Ferrari não conseguiram abrir a sua última tentativa para buscar a pole. O fato não deve gerar muita confusão na equipe italiana porque Vettel já estava atrás do companheiro na cronometragem, no entanto, tirou uma chance para Leclerc tentar a primeira posição, pois faria a última volta se auxiliando do vácuo de Vettel.
O GP de Abu Dhabi está previsto para as 10h10min (nosso horário) deste domingo, com transmissão ao vivo da Globo.

1. Hamilton, Mercedes, 1:34:779
2. Bottas, Mercedes, a 0:194
3. Verstappen, Red Bull, a 0:360
4. Leclerc, Ferrari, a 0:440
5. Vettel, Ferrari, a 0:560
6. Albon, Red Bull, a 0:903
7. Norris, McLaren, a 1:657
8. Ricciardo, Renault, a 1:677
9. Sainz Jr., McLaren, 1:680
10. Hulkenberg, Renault, a 1:931

11. Perez, Racing Point
12. Gasly, Toro Rosso
13. Stroll, Racing Point
14. Kvyat, Toro Rosso
15. Magnussen, Haas

16. Grosjean, Haas
17. Giovinazzi, Alfa Romeo
18. Raikkonen, Alfa Romeo
19. Russell, Williams
20. Kubica, Williams



Bottas na frente e atrás em Abu Dhabi

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


Valtteri Bottas comandou o segundo treino livre à tarde/noite em Abu Dhabi, nesta sexta-feira, na última prova da temporada da Fórmula-1, no circuito de Yas Marina. No entanto, o piloto da Mercedes largará no fundo do pelotão no domingo devido à troca de motor em sua Mercedes. O segundo treino livre em Abu Dhabi mostrou muito equilíbrio entre Mercedes, Ferrari e Red Bull, com exceção do segundo piloto da equipe austríaca, Alexander Albon, surpreendentemente. A segunda sessão teve mais um absurdo promovido por Romain Grosjean. Na chicane antes do Grampo do Estádio, o piloto da Haas simplesmente fechou sobre Bottas, como se o francês estivesse correndo sozinho na pista.
O terceiro treino livre em Abu Dhabi se inicia às 7h (nosso horário) deste sábado, enquanto a classificação começa às 10h, ambos pelo SporTV, metade no entardecer com a parte final do treino já sob as luzes artificiais de Yas Marina. No domingo, a prova está prevista para as 10h10min, metade de dia, metade à noite.
Para os amantes dos autinhos, é bom reservar o fim de semana para se despedir da Fórmula-1. Os carros só voltam à pista para valer em fevereiro, na pré-temporada. Nesta sexta, a última vaga ainda existente foi preenchida pelo canadense Nicholas Latifi, de 24 anos, no lugar de Robert Kubica na Williams.
A temporada de 2020 terá três ingleses, Lewis Hamilton (Mercedes), Lando Norris (McLaren) e George Russell (Williams), três franceses, Pierre Gasly (Alpha Tauri, atual Toro Rosso), Grosjean (Haas) e Esteban Ocon (Renault), dois canadenses, Lance Stroll (Racing Point) e Latifi (Williams), dois finlandeses, Kimi Raikkonen (Alfa Romeo) e Bottas (Mercedes) e apenas um piloto da Alemanha, Sebastian Vettel (Ferrari), da Holanda, Max Verstappen (Red Bull), de Mônaco, Charles Leclerc (Ferrari), da Tailândia, Albon (Red Bull), da Austrália, Daniel Ricciardo (Renault), da Rússia, Daniil Kvyat (Alpha Tauri), do México, Sergio Perez (Racing Point), da Itália, Antonio Giovinazzi (Alfa Romeo), da Dinamarca, Kevin Magnussen (Haas) e da Espanha, Carlos Sainz Jr. (McLaren).

Segunda sessão de sexta:

1.   Bottas, Mercedes, 2:36:256
2.   Hamilton, Mercedes, a 0:310
3.   Leclerc, Ferrari, a 0:386
4.   Vettel, Ferrari, a 0:435
5.   Verstappen, a 0:551
6.   Albon, Red Bull, a 1:032
7.   Grosjean, Haas, a 1:345
8.   Perez, Racing Point, a 1:381
9.   Kvyat, Toro Rosso, a 1:395
10. Gasly, Toro Rosso, a 1:514
11. Sainz Jr., McLaren, a 1:578
12. Norris, McLaren, a 1:662
13. Stroll, Racing Point, a 1:729
14. Magnussen, Haas, a 1:824
15. Hulkenberg, Renault, a 1:866
16. Ricciardo, Renault, a 2:144
17. Raikkonen, Alfa Romeo, a 2:159
18. Giovinazzi, Alfa Romeo, a 2:208
19. Russell, Williams, a 3:256
20. Kubica, Williams, a 4:199



Reginaldo Leme sai da Globo

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


Meu amigo Reginaldo Reme infelizmente está deixando a Globo. Nascido há 74 anos em Campo Grande, MS, o Regi se confunde com a própria história da TV brasileira na Fórmula-1. Ele foi também o primeiro jornalista que entrevistou o Pelé por ocasião do Gol Mil do Rei, ainda dentro da rede do Maracanã, em 1969. O “infelizmente” aí de cima é por que o Regi fará muita falta. Os comentários na TV serão entregues definitivamente a ex-pilotos, como o Luciano Burti, o Max Wilson e o Felipe Giaffone, que conhecem muito da parte técnica dos carros. O que desaparece na TV com a saída do Reginaldo da Globo é a informação jornalística, que os ex-pilotos não têm. Como jornalista, só posso lamentar.
O GP de Abu Dhabi, no domingo, já será sem o meu amigo.



Vettel e os Schumacher

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·



O filho do Michael Schumacher, o Mick, disse que o Sebastian Vettel é para ele o que o pai dele foi para o Sebastian Vettel, ou seja, o inspirador. Legal isso do guri, de 20 anos, já piloto da Academia da Ferrari. Como diz nosso amigo Matteus Saldanha, não seria bem legal ver o Sebastian e o Mick correrem juntos na Ferrari?
Em 2012, na corrida de despedida, pela segunda vez, do Michael da Fórmula-1, na decisão de Interlagos entre Vettel e Fernando Alonso, o desastrado Bruno Senna bateu no Vettel na Curva do Lago, logo após a largada. Felizmente, o alemão voltou à prova e tratou de fazer uma corrida de recuperação, com um carro da Red Bull todo avariado e recomposto pelo mago Adrian Newey a partir do box, via telemetria. Vettel se recuperou na prova, e quando teve Schumacher a sua frente, quase no final da corrida, o seu mestre abriu passagem para Vettel chegar em sexto e garantir os pontos necessários para o seu então tricampeonato. Indagado se havia deixado ou não o conterrâneo passar de propósito, Michael foi direto:
- É claro que deixei!



Verstappen vence em Interlagos

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


Em um final espetacular, Max Verstappen venceu neste domingo o GP do Brasil de Fórmula-1, penúltima etapa do Mundial. As últimas voltas tiveram a segunda entrada do safety Car por causa de uma batida estúpida de Charles Leclerc em Sebastian Vettel, tirando os dois carros da Ferrari. Pouco antes, Leclerc surpreendeu Vettel no S do Senna e ultrapassou o companheiro, que não resistiu à manobra, deixando o monegasco passar sem problemas. Quando Vettel se recuperou na reta oposta e já estava à frente do companheiro, levou a batida no pneu traseiro esquerdo.
Na relargada, Lewis Hamilton – que perdeu a primeira posição para Verstappen porque a equipe não o chamou para trocar pneus na primeira entrada do safety car, devido à desistência de Valtteri Bottas, tentou passar Alexander Albon no Bico de Pato e tirou o tailandês da prova. Bem depois da bandeirada, o hexacampeão foi considerado culpado pela batida na Red Bull e levou uma punição de 5 segundos, caindo para o sétimo lugar. A decisão tardia não pode reparar a infelicidade de Albon por ter perdido a segunda posição na prova e nem a possível subida de Carlos Sainz Jr. ao terceiro posto do pódio, ocupado até então por Hamilton.
O Mundial vencido por Hamilton e pela Mercedes terá a última etapa daqui a duas semanas, em Abu Dhabi.
Pierre Gasly finalizou a prova de maneira sensacional, fazendo a dobradinha das duas equipes da Red Bull ao lado de Verstappen.

Resultado final do GP do Brasil:
1) M. Verstappen - Red Bull - 1h33min14s678
2) P. Gasly - Toro Rosso - a 6s077
3) C. Sainz Jr - McLaren - a 8s896

4) K. Raikkonen - Alfa Romeo - a 9s452
5) A. Giovinazzi - Alfa Romeo - a 10s201
6) D. Ricciardo - Renault - a 10s541
7) L. Hamilton - Mercedes - a 11s139 - punido em 5s
8) L. Norris - Mclaren - a 11s204
9) S. Perez - Racing Point - a 11s529
10) D. Kvyat - Toro Rosso - a 11s931

11) K. Magnussen - Haas - a 12s732
12) G. Russell - Williams - a 13s599
13) R. Grosjean - Haas - a 14s247
14) A. Albon - Red Bull - a 14s927
15) N. Hulkenberg - Renault - a 18s059 - punido em 5s
16) R. Kubica - Williams - a uma volta

17) S. Vettel - Ferrari - não completou
18) C. Leclerc - Ferrari - não completou
19) L. Stroll - Racing Point - não completou
20) V. Bottas - Mercedes - não completou

Piloto do Dia - M. Verstappen - Red Bull
Melhor volta - V. Bottas - Mercedes - 1min10s698

Mundial de Pilotos 2019:
1) L. Hamilton - Mercedes - 387 pontos
2) V. Bottas - Mercedes - 314 pontos
3) M. Verstappen - Red Bull - 260 pontos
4) C. Leclerc - Ferrari - 249 pontos
5) S. Vettel - Ferrari - 230 pontos
6) C. Sainz Jr - McLaren - 95 pontos
7) P. Gasly - Red Bull - 95 pontos
8) A. Albon - Toro Rosso - 84 pontos
9) D. Ricciardo - Renault - 54 pontos
10) S. Perez - Racing Point - 46 pontos
11) L. Norris - McLaren - 45 pontos
12) K. Raikkonen - Alfa Romeo - 43 pontos
13) N. Hulkenberg - Renault - 37 pontos
14) D. Kvyat - Toro Rosso - 35 pontos
15) L. Stroll - Racing Point - 21 pontos
16) K. Magnussen - Haas - 20 pontos
17) A. Giovinazzi - Alfa Romeo - 14 ponto
18) R. Grosjean - Haas - 8 pontos
19) R. Kubica - Williams - 1 ponto
20) G. Russell - Williams - 0 ponto

Mundial de Construtores 2019:
1) Mercedes - 701 pontos
2) Ferrari - 479 pontos
3) Red Bull - 391 pontos
4) McLaren - 140 pontos
5) Renault - 91 pontos
6) Toro Rosso - 83 pontos
7) Racing Point - 67 pontos
8) Alfa Romeo - 57 pontos
9) Haas - 28 pontos
10) Williams - 1 ponto



Verstappen é pole em Interlagos

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·



Em uma atuação de luxo, Max Verstappen conquistou a pole position do GP do Brasil neste sábado, em Interlagos, superando por pouco Sebastian Vettel. O hexacampeão Lewis Hamilton larga em terceiro e, com um carro preparado para a corrida, é um dos grandes favoritos para mais uma vitória. Charles Leclerc foi o quarto mas perderá dez posições por ter o motor trocado depois do GP do México.
O GP do Brasil de Fórmula-1 está previsto para as 14h10min deste domingo, com transmissão ao vivo da Globo. A cobertura se inicia no Esporte Espetacular, diretamente do circuito de Interlagos.

Resultado da Classificação:
1) M. Verstappen - Red Bull - 1min07s508
2) S. Vettel - Ferrari - 1min07s631
3) L. Hamilton - Mercedes - 1min07s699
4) C. Leclerc - Ferrari - 1min07s728 - perderá 10 posições
5) V. Bottas - Mercedes - 1min07s874
6) A. Albon - Red Bull - 1min07s935
7) P. Gasly - Toro Rosso - 1min08s837
8) R. Grosjean - Haas - 1min08s854
9) K. Raikkonen - Alfa Romeo - 1min08s984
10) K. Magnussen - Haas - 1min09s037

11) L. Norris - McLaren
12) D. Ricciardo - Renault
13) A. Giovinazzi - Alfa Romeo
14) N. Hulkenberg - Renault
15) S. Perez - Racing Point

16) D. Kvyat - Toro Rosso
17) L. Stroll - Racing Point
18) G. Russell - Williams
19) R. Kubica - Williams
20) C. Sainz Jr - McLaren - sem tempo



Vettel comanda em Interlagos

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


Na pista seca do treino da tarde em Interlagos (pela manhã, choveu), a Ferrari mostrou força no motor na grande Subida dos Boxes da pista paulista e fez os dois melhores tempos nesta sexta-feira, com Sebastian Vettel e Charles Leclerc, que perderá dez posições no grid de largada por ter trocado o motor. Robert Kubica rodou no molhado na entrada da Curva do Sol e ficou de fora da segunda sessão. Max Verstappen confirmou o bom carro da Red Bull em Interlagos e garantiu a terceira posição, à frente de Valtteri Bottas e Lewis Hamilton, os cinco com tempos muito próximos. Como praticamente não teve a primeira sessão nesta sexta-feira, por causa da chuva, é esperado que os tempos neste sábado baixem bastante. No ano passado, a pole position de Hamilton foi com o tempo de 1:7:281
A classificação está marcada para as 15h (nosso horário) deste sábado. O GP do Brasil, penúltima etapa da temporada de Fórmula-1, já vencida por Hamilton, no domingo, se inicia às 14h10min, com ambas mostradas ao vivo pela Globo.

Segunda sessão:
1.   Vettel, Ferrari, 1:09:217
2.   Leclerc, Ferrari, a 0:021
3.   Verstappen, Red Bull, a 0:134
4.   Bottas, Mercedes, a 0:156
5.   Hamilton, Mercedes, a 0:223
6.   Magnussen, Haas, a 0:926
7.   Ricciardo, Renault, a 0:977
8.   Raikkonen, Alfa Romeo, a 0:993
9.   Albon, Red Bull, a 1:058
10. Sainz Jr., McLaren, a 1:093
11. Hulkenberg, Renault, a 1:108
12. Gasly, Toro Rosso, a 1:135
13. Giovinazzi, Alfa Romeo, a 1:202
14. Kvyat, Toro Rosso, a 1:207
15. Perez, Racing Point, a 1:226
16. Grosjean, Haas, a 1:287
17. Stroll, Racing Point, a 1:351
18. Norris, McLaren, a 1:483
19. Russell, Williams, a 2:601
20. Kubica, Williams, sem tempo



Punição e confirmação

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·



Às vésperas do GP do Brasil, previsto para o próximo domingo, em Interlagos, o monegasco Charler Leclerc teve confirmada uma punição com perdas de posições no grid de largada em São Paulo por conta da colocação de um novo motor em sua Ferrari. Assim, um dos favoritos à vitória no domingo meio que sai de cena em um primeiro momento. A Red Bull e sua satélite Toro Rosso confirmaram as duplas de pilotos para 2020. Com o tailandês Alexander Albon, nada mais justo. Um dos melhores pilotos da nova geração continuará formando dupla com o holandês Max Verstappen na Red Bull. E a Toro Rosso manterá o francês Pierre Gasly e o russo Daniil Kvyat.



Dentro do GP do Brasil

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


Os ingressos para o GP do Brasil, previsto para a próxima semana, estão à venda no único site oficial do evento: www.gpbrasil.com.br. Podem ser comprados até cinco ingressos por CPF/CNPJ, que podem ser parcelados em até oito vezes sem juros pelos cartões Visa, MasterCard, Elo e Amex. Há ainda a opção de catão de débito - Visa Electron, Master e Elo – em parcela única. A novidade neste ano é a arquibancada coberta “R”, localizada na Reta Oposta com boa visão da pista, ao lado dos setor “G” e “H”.
Os ingressos para a corrida, informações e imagens de 360 graus dos setores e preços estão disponíveis no site do GP do Brasil. O evento está ainda no Instagram e no Facebock: @gpbrasilf1.



Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal