04/2021 - Blog da Fórmula-1 de Daniel Dias - Dias ao Volante

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Hamilton lidera em Algarve

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·




As Mercedes comandaram no primeiro dia de treinos livres para o GP de Portugal, terceira etapa do Mundial de Fórmula-1, nesta sexta-feira, no circuito de Algarve. Lewis Hamilton foi o mais rápido na sessão da tarde e Valtteri Bottas, na manhã, com o melhor tempo do dia, com 1min19s648. Max Verstappen Piquet, como o holandês está sendo chamado, depois de confirmar seu namoro com Kelly, filha de Nelson Piquet, foi o segundo na sessão da tarde, muiro próximo de Hamilton.
Ficou claro no ótimo circuito português que os carros deste ano – com menos pressão aerodinâmica - estão bem mais difíceis de serem pilotados, algo parecido com o que aconteceu em 1994, quando a FIA retirou a maior parte da eletrônica dos carros, a suspensão ativa e o controle de tração, deixando os “bólidos” um torpedo “inguiável”. Portanto, todo o cuidado é pouco.
Quanto à Band, que continua fazendo uma cobertura de primeira da Fórmula-1, parabéns pelo aniversário da gaúcha Mariana Becker, sempre ótima nos bastidores, mas acabou a minha “Lua de Mel” com o narrador Sérgio Maurício e o “comentarista” Felipe Giaffone. Ele dizerem que o Lance Stroll de aluno se transformou em professor do Sebastian Vettel na Aston Martin é uma insanidade e desconhecimento de fatos importantes, o principal, é que o carro deste ano da Aston Martin não foi projetado segundo as características de seu primeiro piloto, o TETRA CAMPEÃO MUNDIAL, viu Maurício e Giaffone? Respeito é bom e eu gosto! Quando o Vettel chegou à equipe, no final do ano passado, o carro desta temporada já estava pronto.

Segunda sessão:
1 Hamilton, Mercedes, 1:18:837
2 Verstappen, Red Bull, a 0:143
3 Bottas, Mercedes, a 0:344
4 Sainz Jr., Ferrari, a 0:360
5 Alonso, Alpine, a 0:383
6 Ocon, Alpine, a 0:398
7 Leclerc, Ferrari, a 0:523
8 Ricciardo, McLaren, a 0:581
9 Stroll, Aston Martin, a 0:590
10 Perez, Red Bull, a 0:679
11 Gasly, AlphaTauris, a 0:721
12 Norris, McLaren, a 0:920
13 Russell, Wiliams, 1:139
14 Tsunoda, AlphaTauris, a 1:216
15 Vettel, Aston Martin, a 1:237
16 Raikkonen, Alfa Romeo, a 1:388
17 Giovinazzi, Alfa Romeo, a 1:401
18 Schumacher, Haas, a 1:700
19 Latifi, Williams, a 2:018
20 Mazepin, Haas, a 2:801



A nova qualificação

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


A Liberty Media, dona da Fórmula-1, e que acerta bem mais que o calendário de vacinação contra a Covid-19 no Brasil, testará neste ano um novo formato de classificação para o grid de largada, com uma mini corrida no sábado, um pouco mais tarde do que de costume. Provavelmente, o novo sistema será testado em três GPs este ano, dois na Europa, Inglaterra e Itália (Monza), e um em Interlagos, no GP do Brasil, sim, porque eu me nego a chamar de GP de São Paulo.

Como funcionará?
Na sexta-feira, terá o primeiro treino livre e depois a sessão classificatória como é feita atualmente, com Q1, Q2 e Q3, com o pilotos podendo usar apenas os pneus macios, os vermelhos. No sábado, terá o segundo treino livre, com a mini corrida depois, com vinte e cinco minutos à meia hora de duração, para definir a ordem de largada da prova, no domingo. Na prova, todos os pilotos poderão escolher com que tipo de pneu largarão. Os procedimentos de prova nada mudam.
Parece interessante. Ou não?



Quem vence em Portugal?

Dias ao Volante
Publicado por em Bolão 2021 F1 ·


E aí, amantes dos autinhos, vamos para a terceira etapa da Fórmula-1, no belíssimo circuito de Algarve, em Portugal? No ano passado, a vitória em Portimão foi de Lewis Hamilton, fazendo dobradinha com Valtteri Bottas e com Max Verstappen na terceira posição.
No nosso Bolão, pequenas novidades em comparação ao bem disputado em 2020. A principal é que daremos mais importância ao primeiro lugar da corrida, passando de 25 para 30 pontos, justamente para separar mais do segundo colocado e realçar o “quem vence” do título do post. O desafio a cada prova não será mais somente com o Lewis Hamilton, que buscava o recorde de vitórias em 2020, e conseguiu, e o heptacampeonato (também conseguiu), a Ferrari, que chegava no ano passado ao seu milésimo GP e ao Kimi Raikkonen, que buscava o recorde de participação em corridas do Rubens Barrichello (também superou), mas com todos os pilotos, um em cada GP. As apostas devem ser colocadas nos comentários deste post (clicando em "Ler tudo" no fim do post) ou serem enviadas para o meu e-mail (danieldias10259@gmail.com) ou (diasaovolante@diasaovolante.com) até cinco minutos antes do início do treino de classificação no sábado. Boa sorte!  

Itens para Algarve:
Pole: sobrenome do piloto - 5 pontos
Vencedor: sobrenome do piloto - 30 pontos
Segundo: sobrenome do piloto – 20 pontos
Terceiro: sobrenome do piloto – 15 pontos
Quarto: sobrenome do piloto – 10 pontos
Quinto: sobrenome do piloto – 5 pontos
Último colocado na corrida, entre os pilotos que completarem a prova: sobrenome do piloto -  15 pontos
Melhor volta da prova: 5 pontos
Desafio (proposto a cada prova): 10 pontos – No sempre simpático e acolhedor Portugal, veremos como se sai a dupla mais divertida da F-1? Quero saber quem se dá melhor na corrida, Daniel Ricciardo ou Lando Norris, da McLaren.
Gabaritar os cinco primeiros colocados da prova: 15 pontos
Acertar os cinco primeiros da prova fora de ordem: 5 pontos

Para acompanhar ao vivo todos os lances do GP de Portugal:
Sexta-feira: primeiro treino livre, 7h30min, segundo treino livre, 11h, ambos pelo BandSports.
Sábado: terceiro treino livre, 8h, pelo BandSports, classificação, 11h, na Band e pelo BandSports.
Domingo: corrida, 11h, na Band.



O Bolão depois da Emilia Romagna

Dias ao Volante
Publicado por em Bolão 2021 F1 ·


E o nosso amigo Pedro Henrique, vencedor da primeira etapa, chupou bala e não enviou sua aposta para o GP da Emilia Romagna. O grande vencedor em Ímola, ao lado do Max Verstappen, foi o Luiz Herrera. Parabéns, Compadre! Ele assumiu também a liderança do nosso Bolão, acompanhado do tricampeão Gabriel e do André Borges. Mas, ao contrário do mísero ponto que separa o Lewis Hamilton do Verstappen na F-1, a diferença do Herrera é significativa.
A próxima parada é daqui a duas semanas, em Portugal.

Parâmetros utilizados no GP da Emilia Romagna:
Pole: Hamilton
Vencedor: Verstappen
Segundo: Hamilton
Terceiro: Norris
Quarto: Leclerc
Quinto: Sainz
Último colocado na corrida, entre os pilotos que completarem a prova: Mazepin
Melhor volta da prova: Hamilton
Desafio (proposto a cada prova): 10 pontos – Quantos segundos piloto ficarão à frente do primeiro piloto da equipe entre os cinco primeiros? A aposta dos cinco primeiros da corrida já responde essa questão. São considerados os segundos piloto: Bottas na Mercedes, Perez na Red Bull, Norris na McLaren, Sainz Jr. na Ferrari, Stroll na Aston Martin, Ocon na Alpine, Tsunoda na AlphaTauris, Giovinazzi na Alfa Romeo, Mazepin na Haas e Latifi na Williams. Um

Ímola:
1) Luiz Herrera - 80 pontos
2) Natanael Felipe Rhoden - 70 pontos
3) André Borges - 55 pontos
4) Gabriel Dias - 40 pontos
5) Maurício Dias - 30 pontos
6) Daniel Cardoso - 20 pontos
6) Eduardo Saraiva - 20 pontos
6) Ismael Reichert - 20 pontos
9) Daniel Dias - 15 pontos
10) Marcelo Pereira - 10 ponto
11) Mauro - 5 pontos
12) Mário Gayer do Amaral (Professor) - 0 ponto
12) Francisco Cavalin - 0 pontos

Total:
1) Luiz Herrera - 150 pontos
2) Gabriel Dias - 110 pontos
3) André Borges - 95 pontos
4) Pedro Henrique - 85 pontos
5) Natanael Felipe Rhoden - 80 pontos
6) Eduardo Saraiva - 55 pontos
6) Ismael Reichert - 55 pontos
8) Mário Gayer do Amaral (Professor) - 50 pontos
9) Daniel Cardoso - 40 pontos
10) Maurício Dias 35 pontos
11) Mauro - 25 pontos
11) Marcelo Pereira - 25 pontos
13) Daniel Dias - 20 pontos
14) Francisco Cavalin - 15 pontos



Verstappen vence em Ímola

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·



Tudo o que aconteceu depois, teve a ver com essa cena aí de cima, com o Max Verstappen apertando o Lewis Hamilton na tomada da chicane da Tamburello na largada. Com isso, Hamilton teve um pequeno problema no bico, mas voltou à corrida em seguida, tratando de caçar o piloto da Red Bull. Com a troca de pneus de intermediários para slicks, Hamilton voltou à caça de Verstappen até passar pela pista ainda molhada quando tentava ultrapassar um retardatário. Hamilton saiu da pista e teve de ir para o box no mesmo momento em que o Valtteri Bottas e o Gerorge Russell se envolveram em um forte acidente, causando a bandeira vermelha e parada da prova. Esse preâmbulo era necessário para começar a contar como foi a prova “real” e definitiva, com a vitória de Verstappen e uma recuperação fantástica de Hamilton, que caíra para a oitava posição. O heptacampeão partiu como um leão – com a devida permissão do Nigel Leão Mansell, outro inglês – e foi escalando o pelotão até ultrapassar o conterrâneo – e ótimo piloto – Lando Norris, da McLaren.
Na antepenúltima volta, Hamilton “roubou” a volta mais rápida de Verstappen e garantiu a liderança no Mundial de Fórmula-1, 44 a 43 pontos em favor do maior piloto de todos os tempos, sempre deixando o Ayrton Senna fora dessa parada, porque o “Chefe” é de outro mundo.

- Não pensava em chegar em segundo depois da parada da prova. Pensava sim em recuperar o erro que cometi antes da bandeira vermelha. Mas vi que o carro estava rendendo bem no final e pude recuperar a segunda posição e fazer a volta mais rápida – lembrou Hamilton.

A terceira etapa do campeonato será disputada daqui a duas semanas, no fantástico circuito de Algarve, em Portugal.

Resultado final:
1) M. Verstappen - Red Bull - 2h02min34s598
2) L. Hamilton - Mercedes - a 22s
3) L. Norris - McLaren - a 23s702

4) C. Leclerc - Ferrari - a 25s579
5) C. Sainz Jr - Ferrari - a 27s036
6) D. Ricciardo  McLaren  a 51s220
7) P. Gasly - Alpha Tauri - a 52s818
8) L. Stroll - Aston Martin - a 51s909, punido em 10s (era 7º)
9) E. Ocon - Alpine - a 1min05s704
10) F. Alonso - Alpine - a 1min06s561

11) S. Perez - Red Bull - a 1min07s151
12) Y. Tsunoda - Alpha Tauri - a 1min13s184
13) K. Raikkonen - Alfa Romeo - a 1min04s773, punido em 30s (era 9º)
14) A. Giovinazzi - Alfa Romeo - a uma volta
15) S. Vettel - Aston Martin - não completou
16) M. Schumacher - Haas - a duas voltas
17) N. Mazepin - Haas - a duas voltas

18) V. Bottas - Mercedes - não completou
19) G. Russell - Williams - não completou
20) N. Latifi - Williams - não completou

Melhor Volta - L. Hamilton - Mercedes 1min16s702

Mundial de Pilotos 2021:
1) L. Hamilton - Mercedes - 44 pontos
2) M. Verstappen - Red Bull - 43 pontos
3) L. Norris - McLaren - 27 pontos
4) C. Leclerc - Ferrari - 20 pontos
5) V. Bottas - Mercedes - 16 pontos
6) C. Sain Jr - Ferrari - 14 pontos
7) D. Ricciardo - McLaren - 14 pontos
8) S. Perez - Red Bull - 10 pontos
9) P. Gasly - Alpha Tauri - 6 pontos
10) L. Stroll - Aston Martin - 5 pontos
11) Y. Tsunoda - Alpha Tauri - 2 pontos
12) E. Ocon - Alpine - 2 pontos
13) F. Alonso - Alpine - 1 ponto
14) K. Raikkonen - Alfa Romeo - 0 ponto
15) A. Giovinazzi - Alfa Romeo - 0 ponto
16) G. Russell - Williams - 0 ponto
17) S. Vettel - Aston Martin - 0 ponto
18) M. Schumacher - Haas - 0 ponto
19) N. Mazepin - Haas - 0 ponto
20) N. Latifi - Williams - 0 ponto

Mundial de Construtores 2021:
1) Mercedes - 60 pontos
2) Red Bull - 53 pontos
3) McLaren - 41 pontos
4) Ferrari - 34 pontos
5) Alpha Tauri - 8 pontos
6) Aston Martin - 5 pontos
7) Alpine - 3 pontos
8) Alfa Romeo - 0 ponto
9) Williams - 0 ponto
10) Haas - 0 ponto



Hamilton pole 99 em Ímola

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


Na hora para valer, Lewis Hamilton simplesmente brilhou e conquistou sua primeira pole position no circuito de Ímola, que retornou ao calendário no ano passado como GP da Emilia Romagna. Hamilton é tão fascinante que ele mesmo se surpreendeu dentro do carro depois que foi avisado sobre a conquista da primeira posição para a corrida deste domingo. Sergio Perez deu uma resposta para o mala do Helmut Marko, o cara que só fica enchendo o saco dos pilotos na Red Bull. O mexicano ficou inclusive à frente do superstrar da equipe Max Verstappen, que errou na primeira parte da volta rápida no fim do Q3.
A grande decepção da classificação foi a volta de Valtteri Bottas, apenas o oitavo no grid de largada. Lando Norris, da McLaren, deu show no Q3 mas teve sua volta rápida deletada por ultrapassar os limites da pista.
Hamilton, de lambuja, gostou por as Red Bull estarem próximas na classificação:

- Assim, teremos muita briga e emoções na corrida. É o que todo mundo quer ver.

Resultado da Classificação:
1) L. Hamilton - Mercedes - 1min14s411
2) S. Perez - Red Bull - a 0s035
3) M. Verstappen - Red Bull - a 0s087
4) C. Leclerc - Ferrari - a 0s329
5) P. Gasly - Alpha Tauri - a 0s379
6) D. Ricciardo - McLaren - a 0s415
7) L. Norris - McLaren - a 0s464
8) V. Bottas - Mercedes - a 0s487
9) E. Ocon - Alpine - a 0s799
10) L. Stroll - Aston Martin - sem tempo

11) C. Sainz Jr - Ferrari
12) G. Russel - Williams
13) S. Vettel - Aston Martin
14) N. Latifi - Williams
15) F. Alonso - Alpine

16) K. Raikkonen - Alfa Romeo
17) A. Giovinazzi - Alfa Romeo
18) M. Schumacher - Haas
19) N. Mazepin - Haas
20) Y. Tsunoda - Alpha Tauri



Bottas domina em Ímola

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·



O favorito à pole position no GP da Emilia Romagna, no circuito italiano de Ímola, Max Verstappen, teve problemas na treseira de sua Red Bull (possivelmente, na transmissão) na segunda sessão nesta sexta-feira e teve de abandonar. Com isso, a Mercedes liderou com Valtteri Bottas separado por apenas 0s010 do companheiro Lewis Hamilton, vencedor da primeira etapa da Fórmula-1 neste ano, há três semanas, no Bahrein. Bottas também foi o primeiro na primeira sessão em Ímola, que teve de ser interrompida por muito tempo devido a uma batida entre Sergio Perez, da Red Bull, e Esteban Ocon, da Alpine. Pierre Gasly foi novamente a grata surpresa da segunda sessão, ficando pouco atrás das Mercedes.
Na Ferrari, Carlos Sainz Jr. deu pau outra vez no companheiro Charles Leclerc, que deu uma batida forte no final da segunda sessão, inclusive provocando a bandeira vermelha e encerrando a prática na sexta-feira. E tem piloto completamente perdido no meio do pelotão. O nome dele é Nikita Mazepin, da Rússia. O homem roda em todos os treinos e não sabe bem pra que lado fica o sentido certo da pista.
Neste sábado, os horários serão novamente adiantados por causa do sepultamento do Príncipe Philip, marido da Rainha Elisabeth II da Inglaterra. O terceiro treino livre se inicia às 6h e a classificação, às 9h. A corrida, no domingo, se mantém às 10h (tudo pelo horário brasileiro).

Segunda sessão em Ímola:
1 Bottas, Mercedes, 1:15:551
2 Hamilton, Mercedes, a 0:010
3 Gasly, AlphaTauris, a 0:078
4 Sainz Jr., Ferrari, a 0:283
5 Leclerc, Ferrari, a 0:820
6 Perez, Red Bull, a 0:860
7 Tsunoda, AlphaTauris, a 0:868
8 Norris, McLaren, a 0:934
9 Giovinazzi, Alfa Romeo, a 0:962
10 Stroll, Aston Martin, a 1:186
11 Ocon, Alpine, a 1:266
12 Latifi, Williams, a 1:272
13 Alonso, Alpine, a 1:284
14 Verstappen, Red Bull, a 1:448
15 Vettel, Aston Martin, a 1:541
16 Russell, Williams, a 1:628
17 Raikkonen, Alfa Romeo, a 1:722
18 Ricciardo, McLaren, a 1:730
19 Schumacher, Haas, a 1:799
20 Mazepin, Haas, a 2:306



Quem vence o GP da Emilia Romagna?

Dias ao Volante
Publicado por em Bolão 2021 F1 ·


E aí, amantes dos autinhos, vamos para a segunda etapa da Fórmula-1, no circuito de Ímola, na Itália? No nosso Bolão, pequenas novidades em comparação ao bem disputado em 2020. A principal é que daremos mais importância ao primeiro lugar da corrida, passando de 25 para 30 pontos, justamente para separar mais do segundo colocado e realçar o “quem vence” do título do post. O desafio a cada prova não será mais somente com o Lewis Hamilton, que buscava o recorde de vitórias em 2020, e conseguiu, e o heptacampeonato (também conseguiu), a Ferrari, que chegava no ano passado ao seu milésimo GP e ao Kimi Raikkonen, que buscava o recorde de participação em corridas do Rubens Barrichello (também superou), mas com todos os pilotos, um em cada GP. As apostas devem ser colocadas nos comentários deste post (clicando em "Ler tudo" no fim do post) ou serem enviadas para o meu e-mail (danieldias10259@gmail.com) ou (diasaovolante@diasaovolante.com) até cinco minutos antes do início do treino de classificação no sábado. Boa sorte!  

Itens para Ímola:
Pole: sobrenome do piloto - 5 pontos
Vencedor: sobrenome do piloto - 30 pontos
Segundo: sobrenome do piloto – 20 pontos
Terceiro: sobrenome do piloto – 15 pontos
Quarto: sobrenome do piloto – 10 pontos
Quinto: sobrenome do piloto – 5 pontos
Último colocado na corrida, entre os pilotos que completarem a prova: sobrenome do piloto -  15 pontos
Melhor volta da prova: 5 pontos
Desafio (proposto a cada prova): 10 pontos – Quantos segundos piloto ficarão à frente do primeiro piloto da equipe entre os cinco primeiros? A aposta dos cinco primeiros da corrida já responde essa questão. São considerados os segundos piloto: Bottas na Mercedes, Perez na Red Bull, Norris na McLaren, Sainz Jr. na Ferrari, Stroll na Aston Martin, Ocon na Alpine, Tsunoda na AlphaTauris, Giovinazzi na Alfa Romeo, Mazepin na Haas e Latifi na Williams.
Gabaritar os cinco primeiros colocados da prova: 15 pontos
Acertar os cinco primeiros da prova fora de ordem: 5 pontos

Para acompanhar ao vivo todos os lances do GP da Emilia Romagna:
Sexta-feira: primeiro treino livre, 6h, segundo treino livre, 9h30min, ambos pelo BandSports.
Sábado: terceiro treino livre, 6h, pelo BandSports, classificação, 9h, na Band e pelo BandSports.
Domingo: corrida, 10h, na Band.



Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal